A pandemia gerada pelo Coronavírus desestabilizou a economia. Porém, o cenário complexo vivenciado em 2020 acabou se tornando um trampolim para algumas empresas que inovaram sua maneira de vender e conseguiram, mesmo com a crise, crescer.

Este crescimento ocorreu devido à implantação do e-commerce em muitas empresas, principalmente no setor varejista. De acordo com o relatório emitido pela Mastercard SpendingPulse, as vendas no Brasil apresentaram um crescimento de 75% em 2020 quando comparado ao ano anterior e isso aconteceu, principalmente, após a fase de isolamento social.

Com o distanciamento social, o medo em sair de casa e o fechamento do comércio no começo da quarentena, houve um grande aumento nas compras online chegando a 48%.

Setores que se destacaram nas vendas online

Dentre todos os setores, os que mais se destacaram foram hobby e livrarias (110%) e drogarias (88%). Ambos setores sentiram bastante o fechamento do comércio e tiveram que se reinventar com o e-commerce.

Sabemos que as vendas online não eram novidades antes da pandemia, mas o seu aumento foi muito significativo para a economia.

Reinvente-se

Com toda essa mudança, foi natural vermos a movimentação de pessoas e empresas para o comércio digital. Aqueles que não estavam acostumados a comprar pelo computador acabaram aprendendo e empresas que não tinham e-commerce tiveram que se adaptar para não saírem no prejuízo.

E para você, como foi essa mudança? Sua empresa acompanhou a tendência do mercado e se rendeu ao e-commerce? Ou vendas foram perdidas pela sua não adequação?