O distanciamento social é uma realidade. Tentativas de retardar a propagação do coronavírus levaram muitos governos estaduais a determinarem o fechamento de serviços não essenciais, como os do setor automotivo.

Tais medidas trarão impactos, principalmente, ao setor de serviços que representa mais de 75% do PIB brasileiro. Nesse sentido, serviços de alvenaria, elétricos e hidráulicos que dependem de contato físico estão enfrentando uma redução drástica da demanda.

O que fazer para amenizar os efeitos dessa crise?

Foque naquilo que você pode resolver agora e que está sob o seu controle. Dessa forma você poderá desenhar soluções para sobreviver neste momento difícil. É preciso entender, exatamente, quanto tempo é possível continuar funcionando com o que você tem em caixa. O foco nesse momento é diminuir custos cortando tudo o que o que não é essencial para a sobrevivência do seu modelo de negócios e buscar alternativas para gerar receita suficiente para que você pague as contas ou não se endivide demais. São grandes as chances de que analisando seus custos, você identifique onde é possível deixar de gastar dinheiro. Nesse momento é muito mais fácil economizar do que conseguir novas vendas.

Fornecedores. Seus gastos mensais sustentam uma série de pessoas e pequenos negócios que estão sendo muito impactados neste momento assim como você. Pense quem são e, se você tiver condições, não cancele o seu fornecedor. Um, necessariamente, depende do outro para sair dessa crise.

Cliente. Agora chegamos na parte que talvez seja a mais crítica de toda a situação, as receitas. Com o fechamento de diversos estabelecimentos, pode parecer impossível ter qualquer resultado. Mais do que nunca precisamos utilizar a criatividade e engajar quem paga pelo seu serviço – o cliente.

Confira abaixo materias completos que trazemos para você, onde contemplam dicas importantes para realizar a retomada segura das atividades de seu negócio neste novo contexto de consumo.

1. E-book com informações completas para a retomada segura

Descubra neste E-Book orientações seguras para a retomada das lojas de materiais elétricos, incluindo protocolos de saúde, orientações para os colaboradores, orientações para atendimento de clientes, comunicação entre outros assuntos essenciais para esse momento de retomada das atividades de lojas de materiais de construção.

2. Check-list para garantir segurança para todos

Preencha, avalie e implemente o checklist [clique neste link para acessá-lo] e certifique-se de que todas as medidas foram tomadas para garantir a segurança de clientes, colaboradores e famílias.

Siga a ABREME nas Redes Sociais @abreme

Fonte de informações: SEBRAE